Página Inicial BRASIL Traficante é assassinado após vazar vídeo de sexo com suposta filha de...

Traficante é assassinado após vazar vídeo de sexo com suposta filha de policial

A Polícia Civil do Maranhão vai investigar o assassinato de um rapaz de 22 anos morto a tiros na última semana. Um vídeo que circula pelas redes sociais mostra a vítima com as mãos amarradas, de joelho, e levando quase 30 tiros. As imagens chocam pela crueldade.

E o caso fica mais surpreendente pela suposta motivação: ele é o mesmo que aparece em outro vídeo fazendo sexo com uma garota de 18 anos. Ela seria filha de um policial civil, apontado como o responsável pela execução do jovem. Ele faria parte de um grupo de extermínio.

As informações iniciais apontam que o policial é integrante do grupo G6, formado por ex-policiais que atuam em São Luís. Apesar de as suspeitas caírem sobre o pai da garota que aparece no vídeo com o rapaz morto, as autoridades não descartam que outra pessoa pode ser a responsável ou mandante do crime. Isso porque o jovem tem vários desafetos.

O rapaz assassinado tem passagens por tráfico de drogas, assalto e estupro. A vítima teve um mandado de prisão expedido em 12 de janeiro, mas não foi localizado.

Fonte: EXAME